Nos embalos do sábado à noite, o Flamengo voltou a jogar bem, venceu o Coritiba por 3 a 1 e dormirá na liderança do Campeonato Brasileiro. A vitória foi a primeira do Rubro-Negro sob o comando de Rogério Ceni, que repetiu a estratégia e o estilo da equipe de Jorge Jesus em 2019. Os gols do jogo foram de Bruno Henrique, Arrascaeta e Renê para o time da casa, e Mattheus descontou para os visitantes.

Com 39 pontos, o novo líder do Brasileirão agora seca o Atlético-MG, que enfrenta o Ceará, no Castelão, amanhã (22), às 16h. O Galo tem um ponto a menos que o Fla, mas com uma vitória a mais, volta à liderança caso empate com o Vozão. Ainda assim, o triunfo após quatro jogos sem vencer é um alento para o Rubro-Negro, que ganha moral para o confronto com o Racing, pelas oitavas de final da Libertadores. O primeiro jogo é na terça-feira, às 21h30, em Avellaneda, casa dos argentinos.

Mais do que a vitória importante na briga pelo título brasileiro, a atuação do Flamengo foi inspiradora. De longe a melhor e mais organizada na “era Ceni”, a performance também aconteceu pelo péssimo jogo do Coritiba, que briga contra o rebaixamento. Na 18ª colocação, o Coxa tem 20 pontos na tabela e pode terminar a 22ª rodada na penúltima posição caso o Botafogo pontue contra o Fortaleza no Estádio Nilton Santos.

Arrascaeta comanda ataque e é o melhor em campo
O Flamengo teve grande atuação, mas dentre os muitos destaques individuais, uma estrela brilhou mais que as outras na constelação rubro-negra: Giorgian De Arrascaeta. O atacante uruguaio voltou a atuar em sua posição original, aberto pela ponta mas flutuando por trás de Bruno Henrique e Vitinho. “A là 2019”, o camisa 14 esbanjou técnica e visão de jogo com passes perfeitos e ainda marcou um golaço para comandar o ataque do time de Rogério Ceni. O melhor em campo no Maracanã.

Assista os gols e melhores momentos de Flamengo 3 x 1 Coritiba