Novos exames revelam a gravidade das lesões B.Henrique e R.Caio

O Flamengo se reapresentou hoje (24) após a conquista da Taça Guanabara já de olho em mais uma decisão. Lesionados, o zagueiro Rodrigo Caio,o atacante Bruno Henrique não foram a campo e seguem realizando tratamento intensivo visando a final da Recopa Sul-Americana.

Apesar da tentativa do departamento médico e da fisioterapia, o trio dificilmente estará em campo na partida que acontece quarta-feira (26), contra o Independiente del Valle (EQU), às 21h30, no Maracanã.

O zagueiro e o atacante se lesionaram na partida de ida contra o próprio Independiente del Valle, no Estádio Atahualpa, em Quito. Rodrigo sentiu dores no músculo adutor da coxa esquerda, enquanto Bruno teve um trauma na perna direita após choque com o goleiro Pinos. A zaga deve ser formada novamente por Gustavo Henrique e Léo Pereira.

Os exames iniciais descartaram fratura no camisa 27, mas outros, mais aprofundados, revelaram lesão no joelho. A dupla deve ficar 15 dias fora e é improvável que atue na quarta-feira. Ao que tudo indica, assim como na final da Taça Guanabara, o centroavante Pedro deve ser seu substituto.